Eu Esqueci

13.10.14


                   



 Carlos, foste embora e nem deixaste um bilhete dizendo o quanto foi bom penetrar a minha vagina quente e apertada. Por quê?

Eu que te dei tanto prazer quando te fiz deliciar com as palavras ordinárias que proferi enquanto o meu corpo se curvava contra a parede para deixar o teu pénis erecto penetrar o meu sexo sedento.  Que pelo menos deixasses uma notinha de cabeceira com um mísero "Obrigado" pelo café da manhã que te servi na cama, vestida apenas de calcinha e sutiã.

  Trocaste-me por quem? Aposto que foi por uma vaca sem sal, sem atitude e com uma aparência descuidada. Daquelas que se encontra facilmente na discoteca trajando minúsculos calções e top mostrando a barriga saliente denunciando o abuso de cerveja.

  Bem, chega de reclamar porque se não voltaste por causa da noite maravilhosa que tivemos, não voltarás por palavras!

 Que fique bem claro que não pensarei mais em ti - o teu silêncio disse muitas coisas. -  Pede desculpa à tua mãe pelas vezes que a chamei de mentirosa porque pensei que ela estivesse contra mim, dizendo que não estavas em todas as 13 vezes que fui à tua casa.
Apaga as 75 mensagens que deixei no teu telemóvel, os 26 emails, inclusive este, e esquece as 345 chamadas que não atendeste.

Esquece tudo que aconteceu e se o telefone não tocar, sou eu.



Leia Também

7 Comentários

Post's Populares

Gosta do Blog no Facebook

Flickr Images

~